PORTO ALEGRE • 51 3224.0688  |  CAXIAS DO SUL • 54 3215.2200

SEJA UM COOPERADO

Beneficios de se tornar um Cooperado na CREDICOR-RS

Ao se tornar sócio da CREDICOR-RS, o associado poderá usufruir de vantagens que só a cooperativa pode oferecer. 

Confira a seguir, alguns desses beneficíos: 

  • Participação nas decisões das Assembléias; 

  • Direito de votar e ser votado; 

  • Dar opiniões e sugestões sobre o Sistema; 

  • Facilidade e livre acesso À Diretoria Executiva; 

  • Participação nas sobras da cooperativa; 

  • Atendimento personalizado, rápido e sem filas; 

  • Agilidade nas decisões e na liberação dos empréstimos; 

  • Produtos que atendem às necessidades econômicas e socias dos cooperados; 

  • Fornecimento das melhores taxas do mercado, tanto nas aplicações como nos empréstimos;

Quem pode se tornar sócio da Cooperativa                                   

 

Podem ser aceitos como associados da cooperativa os corretores de seguros que exerçam sua profissão na área de ação da cooperativa, com registro em vigor na SUSEP e estejam na plenitude da sua capacidade civil.

Poderão associar-se também as seguintes pessoas:

   a) empregados da própria cooperativa de crédito, das entidades a ela associadas e daquelas de cujo capital participem, e pessoas físicas prestadoras de           serviço, em caráter não eventual, à cooperativa de crédito e às referidas entidades, equiparados aos primeiros, no tocante aos seus direitos e deveres           como associados;

     b) aposentados que, quando em atividade, atendiam aos critérios estatutários de associação;

     c) pais, cônjuge ou companheiro (a), viúvo (a), filho, dependente(s) legal (is) do associado e pensionista do associado falecido. 

Para se tornar associado da CREDICOR RS e usufruir de todos os produtos que a cooperativa tem a oferecer, basta apresentar a seguinte documentação:

  • Registro Susep;

  • Documento de Identidade;

  • CPF;

  • Comprovante de Renda;

  • Comprovante de Residência.

  • É necessário, ainda, o preenchimento de uma ficha cadastral e fazer a integralização de R$ 100,00, mais R$ 40,00 por mês como integralização complementar de cotas capital.